As trilhas Incas do Peru são consideradas as mais famosas da América do Sul e são consideradas como uma das 5 melhores caminhadas do mundo. Em apenas 43 km combinam-se belas paisagens montanhosas, exuberantes bosques nublados, a selva subtropical e uma mescla de caminhos de pedras, ruínas e túneis. O destino final não podía ser melhor: Machu Picchu, a misteriosa “Cidade Perdida dos Incas”. 
Ainda existem milhares de quilômetros de trilhas “Inca” em todo o Perú. Nos 4 dias de caminhada pela trilha ao lado da via férrea de Cusco a Águas Calientes passam pelo alto das montanhas, pelas ruínas Incas de Llactapata, Runkurakay, Sayacmarca, Phuyupatamarca e Wiñay Wayna antes de chegar a Machu Picchu.
Durante a caminhada há uma aventura pitoresca: 3 acampamentos em plenas terras Incas. O trajeto de trem ladeando as trilhas é uma atração à parte.

Dia 1.- Lima

Chegada a Lima, traslado ao hotel

Dia 2.- Lima – City Tour

Visita à cidade para apreciar seus mais imponentes edifícios como a Plaza Mayor ou Casa de Pizarro, onde encontra-seo Palácio do Governo, o Cabildo, a Catedral, o Palácio Arzobispal, o Convento de San Francisco, jóias da arquitetura do século XVI.
Na parte moderna da cidade, está o exclusivo distrito de San Isidro, o novo coração financeiro da cidade, onde se pode apreciar Huallamarca. Em Miraflores, encontra-se o Parque do Amor, ponto com excelente vistado Oceano Pacífico.

Dia 3.- Lima – Cusco – City Tour – Fortaleza de Saqsayhuaman 

Voo de manhã para Cusco e traslado ao hotel à tarde começa a visita a Cusco, a antiga capital do Império Inca, declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1983. Um dos destinos mais importantes do Perú. Suas ruas e seus edifícios construídos totalmente de pedras,como o Koricancha - o Templo do Sol -, onde aprecia-seo grande trabalho que os incas realizavam no palácio de Roca, com edifícios coloniais e de estilo barroco andino, como a Catedral e a Igreja da Compañia, com seu delicado trabalho e impressionantes altares de madeira talhada. Na sequência, a visita às gigantescas muralhas da fortaleza de Sacsayhuaman. Há poucos quilômetros, os lugares arqueológicos de Qenko, Pukapukara e  Tambomachay.

Dia 4. - Cusco – Trilha Inca (Piscacucho - Wayllabamba) (A – C)

Começando pelo km 82 têm-se uma linda vista do Glacial Verônica.  Caminha-se às margens do rio Vilcanota até o  complexo arqueológico de Patallacta. Parada para o almoço antes de continuar até Huayllabamba, o primeiro acampamento.

Dia 5. - Caminho Trail (Wayllabamba - Warmiwañusca - Pacaymayo) (D – A – C)

Depois do café da manhã começa a segunda parte da trilha até Warmiwañusca a 4,200 metros acima do nível do mar, com incríveis vistas panorâmicas das cadeias montanhosas da região. À tarde, segue-se a trilha até  Pacaymayo, o segundo acampamento.

Dia 6 .- Trilha Inca (Pacaymayo - Phuya Patamarka - Wiñayhuayna) (D – A – C)

Chega-se à base do complexo arqueológico de Runkurakay. A partir daí o Caminho Inca tem dois metros de largura e é coberto de pedras. A arquitetura Inca é um atrativo à parte. Logo após passar-se por Sayacmarca chega-se ao sítio arqueológico através de um túnel. Segue-se uma trilha coberta de densa mata, com muitas espécies de plantas e animais nativos, até Wiñayhuayna onde fica o terceiro acampamento.

Dia 7. - Trilha Inca (Wiñayhuayna) - Machu Picchu – Cusco (B)

Chega-se a Intipunku (Puerta del Sol), onde se ve a cidade de Machu Picchu. Pela manhã, uma visita guiada à cidade, visitando-se a Praça Principal, a Torre Circular, o Sagrado Relógio Solar, os Quartos Reais, o templo das Tres Ventanas e os cemitérios Incas. À tarde o retorno de trem a Cusco.

Dia 8.- Cusco – Lima – Rio de Janeiro

Vôo de volta a Lima para conexão Rio do Janeiro